terça-feira, 24 de julho de 2018

A responsabilidade do cidadão na próxima eleição


Já houve uma época em que o nosso País era muito bom de viver. Com todas as instituições em pleno funcionamento, respeitando a funcionalidade do Executivo, Legislativo e Judiciário, numa extraordinária democracia com a governabilidade, administrando harmoniosamente, sem o desmantelo geral que, hoje, infelizmente, toma conta do Brasil.

Sabíamos e respeitávamos o que a Constituição estabelecia. Trazendo assim, para todos os brasileiros, uma certa tranquilidade de que estávamos no caminho do desenvolvimento e evidentemente do crescimento da Nação.

Sabiam que já fomos considerados o sétimo país do mundo em desenvolvimento? Hoje, com toda sinceridade, nem sei em que colocação está a nossa Nação.

Todos os ministros desta época, num total de doze, no máximo, ficavam na administração do governo federal até o último dia do mandato presidencial. Com um detalhe: sabíamos os nomes de todos e respeitávamos os seus trabalhos. Também da mesma maneira era nos governos estaduais e municipais. Hoje, é difícil sabermos o nome dos atuais administradores das máquinas governamentais por conta de tantos troca-trocas.

Será que poderemos resgatar tudo isso que acabo de descrever? Creio que sim, apesar das péssimas informações que as mídias nos transmitem, como por exemplo, o presidente do IBOPE que faz pesquisas eleitorais desde 1971, afirmou: “a população está enojada com a política. Nunca vi eleitores tão frios e desmotivados”. “A população está decretando por conta própria o fim do voto obrigatório”. Muito preocupantes essas e muitas outras notícias a respeito das eleições de 2018.

Se cada um de nós eleitores brasileiros tivermos, nas próximas eleições de outubro, um pouco mais da responsabilidade de cidadão, de confiarmos que votando certo votando sem a tal das efervescências momentâneas, coisa natural do ser humano, sem o tal de votar no candidato “amigo” pois, “ele vai me ajudar”, podemos fazer bem diferente dos últimos quinze anos de total desgoverno e trazer o Brasil de volta para todos os brasileiros. Tenho certeza!

Vamos votar e renovar com a nossa consciência!

Por Rogério Mota

Nenhum comentário:

Postar um comentário