ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

sábado, 29 de outubro de 2016

Prédios públicos de Buenos Aires terão as cores da bandeira do município

Foi aprovado na última reunião da Câmara de Vereadores, por seis votos favoráveis e três abstenções, o projeto de lei nº 03/2016, de autoria do vereador Arlindo Pessoa de Albuquerque Neto (Netinho), que objetiva tornar obrigatório o uso do brasão e padronizar as cores dos prédios públicos do município de Buenos Aires de acordo com as cores predominantes na bandeira do município.

O projeto em questão foi sugerido pelo prefeito eleito Fabinho Queiroz, no intuito de fazer uma gestão para todos, conforme era anunciado durante seus comícios. A ideia é que as cores e o brasão também estejam nos materiais dos estudantes, publicações, nos informes publicitários de qualquer natureza, nos móveis e imóveis públicos, nos veículos, nos equipamentos, nos uniformes dos servidores, placas, painéis, cartazes, e nos informativos de obras municipais. Assim, o Poder Executivo e o Poder Legislativo não poderão usar qualquer logomarca que não seja o brasão do município de Buenos Aires, ficando expressamente proibido o uso de qualquer logomarca que insinue ou lembre o símbolo de partidos políticos. Os veículos que venham a ser locados pelo município também deverão seguir essa nova lei.

Três dos vereadores, os da situação, se abstiveram de votar, em razão de sua ausência, a saber: Gyan de Neuza, Flávio de Deda e Jairo de Armando. Informações do Buenos em Foco, por Almir Cadena. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário