ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

terça-feira, 17 de novembro de 2015

E atenção! Morre Gino César, o eterno Repórter do Bandeira Dois

A notícia que ninguém queria dar. Gino César, o nosso eterno Repórter do Bandeira Dois, partiu desta vida aos 79 anos. Joaquim José da Silva, nascido em 5 de março de 1936 na cidade de Rio Formos, na Zona da Mata Sul do Estado, foi radialista por mais de 60 anos, locutor e radioator. Um homem bom, simples e coerente. Gentil acima de tudo. Gino é o tipo de profissional verdadeiramente insubstituível.

Gino faleceu na madrugada desta terça-feira (17), após um infarto fulminante, embora a causa da morte ainda não tenha sido informada pela equipe médica. Ele foi internado em agosto com problemas cardíacos, descobriu uma insuficiência renal e teve um agravamento na já conhecida dificuldade para respirar. Passou 21 dias internado e recebeu alta. Foi acompanhado pelos médicos durante os meses seguintes. Nesta segunda-feira, Gino passou mal e foi levado ao Hospital Hapivida do Espinheiro. Apesar dos esforços, faleceu por volta das 2h30, na UTI do centro médico.

Gino trabalhou nas rádios Clube, Olinda, Continental, Tamandaré e aqui na Rádio Jornal, por onde passou duas vezes, a última e definitiva delas durou mais de 30 anos, sempre na liderança da audiência. Joaquim José da Silva, ou simplesmente Gino César, deixa três filhos, três netos e milhares de fãs que o ajudaram a ter a maior audiência do rádio no Brasil.


Informações da Rádio Jornal 

Nenhum comentário:

Postar um comentário