ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

ANUNCIE LIGUE AGORA 81 9 9685-2843

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

No Marco Zero, mais provocações ao PSB

A reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) deixou as lideranças do PT no Estado bastante empolgadas. Na comemoração da vitória, no Marco Zero, os petistas agradeceram pela vitória e alfinetaram o PSB estadual. Os membros do Partido dos Trabalhadores subiram no palco montado para o Recife Antigo de Coração, que é organizado pela Prefeitura local, e discursaram para o público presente que lotou o local.

“Nesse Marco Zero historicamente do PT. Fazia muito tempo que ele não via o PT vencendo as forças de direitas. Vimos o absurdo de duas lideranças, prefeito e governador, de forma desonesta e traiçoeira dizer a Pernambuco em que votar e que Dilma não fez nada em Pernambuco”, afirmou o deputado João Paulo (PT), se referindo ao prefeito Geraldo Julio (PSB) e ao governador eleito Paulo Câmara (PSB).

De acordo com o senador Humberto Costa (PT) o voto do povo de Pernambuco “não tem dono”. “Na oposição tinha um candidato que não tinha nenhuma história, nenhum vínculo com o nosso Estado. Dilma, Lula, o PT e os partidos que nos apoiam tem história em Pernambuco. E por isso essa grande vitória que conquistamos agora. O PT é tetra. Eles fizeram de tudo, inventaram mentira”, relatou.

Militância

Munidos de bandeiras e camisas em referência a presidente, a militância petista esteve presente no Marco Zero, antes mesmo de sair o resultado. Após a divulgação das urnas, a população não conteve a emoção e soltavam gritos de vitória e de provocação aos adversários.

Com a chegada das lideranças do partido no Estado, os cânticos ecoaram ainda mais no local. A música Vou Festejar, de Beth Carvalho, foi cantada como forma de provocação pelos petistas: “Você pagou com traição a quem sempre lhe deu a mão”, fazia referência ao PSB, que se desvinculou da aliança que tinha com o PT no âmbito nacional e local.

As provocações também foram direcionadas ao prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), afirmando que “ a hora dele iria chegar” em referência as eleições municipais de 2016.

Presente no local, a vereadora Marília Arraes (PSB) foi ovacionada pelo público. Com gritos de “Arraes guerreiro do povo brasileiro”, em referência ao ex-governador Miguel Arraes, a socialista, que esteve vestida de vermelho, agradeceu o apoio e criticou os seus correligionários. “Pernambuco deu uma resposta. Não podíamos ter apoiado um partido de direita e o povo mostrou o que queria”, resumiu a parlamentar. 

Blog da Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário